Desafio 1+3 || Uma situação de coragem

by - agosto 11, 2018


Não vos venho falar propriamente de uma situação em que fui corajosa, mas sim de um ato que, por norma, requer um pouco de coragem da minha parte - Dizer Não.
Admito que, não gosto de dizer não às pessoas. Quando me pedem alguma coisa ou até quando sugerem irmos algum sítio, não gosto de dizer não. Não para as agradar, mas talvez para não as desiludir (será que estou a ser um pouco contraditória?). Gosto que as pessoas saibam que podem contar comigo, seja para o bom ou para o mau, ainda que muitas vezes não me apeteça aturar ninguém, sou sincera. 
No entanto, cada vez mais tenho aprendido que, por vezes, é necessário saber dizer não. Colocar-me a mim em primeiro lugar, pensar nas minhas vontades e não nas dos outros. Todas as vezes que digo não e sinto que deveria dizer sim, são atos de coragem da minha parte e todos eles são uma vitória.
Percebo hoje que dizer "não", não é um ato de egoísmo, de antipatia ou de não querer ajudar. É um ato de amor-próprio e respeito pelo nosso corpo e pela nossa mente. Muitas vezes é até um ato de educação, quando falamos em pais e filhos, que muitas vezes é difícil negar algo, mas essencial para a criança perceber que não pode ter tudo sempre que lhe apetece, por exemplo.
É importante saber a que estamos a dizer não e para quem. Há pessoas que não aceitam. Que ficam magoadas e se afastam. Essas deixo-as a ir, e espero que um dia voltem com mais maturidade. Também eu aprendi a ouvir não e a aceitar, afinal este está sempre garantido não é assim? Mais do que aceitar, é respeitar a vontade da outra pessoa, a sua opinião. É fazer ao outro aquilo que gostava que me fizesse a mim.
Se é sempre fácil dizer não? Claro que não. Se é importante? Muito. Devemos ouvir o nosso coração sempre, e respeitar aquilo que sentimos!
E para vocês, o que é um ato de coragem?

You May Also Like

10 comentários

  1. Olá
    Eu também já escrevi o meu texto sobre a coragem, só vou publicar na segunda feira, por isso não corro o risco de me influenciar pelo teu texto, até porque o meu é completamente diferente e talvez surpreendente!
    Acho muito importante saber dizer NÃO é mesmo um acto de coragem nestes dias que correm em que tudo parece ser tão fácil, acredito que hoje muitas crianças irão ser adultos frustrados amanhã porque os pais não tiveram a coragem de lhes dizer não na altura certa e assim não formataram o seu cérebro para lidar com a negação.
    Mas eu estou aqui a debitar isto tudo mas também sou assim, não consigo dizer não e, já sofri muito com isso. Talvez por a vida me estar constantemente a dizer não.
    Beijinhos

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  2. Revi-me tanto no teu texto, minha querida, porque sou igual! Dizer não deveria ser algo natural, mas não é, exige muito de nós - pelos mais variados motivos. Mas também tenho aprendido que dizê-lo é um ato de amor, não só próprio, mas pelo outro. Porque conseguimos colocar-nos em primeiro lugar e porque as pessoas percebem que não podem dispor de nós sempre que lhes apetece.
    Há alturas em que é complicado não ceder, mas, como referiste e bem, devemos respeitar aquilo que sentimos.

    Beijinho grande e bom fim de semana*

    ResponderEliminar
  3. Para mim também não é fácil dizer não algumas vezes pelo mesmo motivo que explicas, acredito que custa Ritinha! O ato de coragem que mais tenho posto em prática é o de combater a ansiedade 💗

    ResponderEliminar
  4. O minha vida mudou quando comecei a dizer não mais vezes.

    ResponderEliminar
  5. Concordo completamente com o que escreveste porque, muitas vezes, também me era difícil dizer não. Hoje em dia, já o faço mais facilmente porque acredito que é mesmo importante saber dizê-lo na altura certa! :)

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. r: É mesmo *-*
    Obrigada e boa semana, minha querida!

    ResponderEliminar
  7. uiiii! muita coragem :/ e mais do que dizer não, é dizer "não, porque não quero" sem qualquer outro tipo de justificação inventada! porque não querermos também é uma justificação válida e pronto!

    r: yaaaay! obrigada!

    ResponderEliminar
  8. I totally understand... it's hard for me to say NO as well, but with practice, it's becoming a bit more easy.

    www.fashionradi.com

    ResponderEliminar
  9. Também me custa imenso dizer não e isso já me prejudicou muitas vezes. É exactamente como escreveste, não é um acto de egoísmo. E preservar o nosso amor-próprio é muito importante, senão o que será de nós?

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  10. Ao longo dos anos também fui aprendendo a dizer que não, quando não quero algo ou não quero ir àquele sítio. Como referes, é preciso saber a quem dizer não e o momento em questão, pois também nos faz bem ceder de vez em quando. É preciso equilíbrio, como em tudo na nossa vida e dizer não quando o achamos relevante é necessário. Pode ser uma questão de amor próprio, um apetite e o que for. Dizer não devia ser algo mais natural :)

    ResponderEliminar